Desejo

 Nadir A D’Onofrio

 

 Ser o presente que alegre seu dia

O sol, que traz o calor ameno

Aquecer-te nesse dia invernal

Posso ser também a brisa da tarde!

Que chega sorrateira e leve

Fazendo soar o mensageiro do vento.

Arrefecendo o corpo másculo

Desalinhando o cabelo

Ou o sereno da madrugada!

Para aninhar-me em seu gramado

Esperar paciente pelos raios do sol!

Quem sabe, a luz solar infiltrada

Em moléculas, ávidas de prazer

Satisfaça... minha ansiedade de você...

 11/08/2008 *14:03 h

Livro Visitas


Voltar

 

Art:Nadir
Respeite Direitos Autorais