E O MAR ME FAZ FESTA...
&
Enquanto o Mar...

 

 

Eduardo H.S. D’Olivier/Nadir D'Onofrio

 

 

 

E O MAR ME FAZ FESTA...

Eduardo H.S. D’Olivier


Cresci a ver a praia, no inverno despida de gente,
No verão com excesso de pessoas,
Ávidas a molhar seus corpos de sal do mar.

As tardes frias ou quentes,
A praia virava estádio, iluminado pelo arrebol.
Com outros pequenos adolescentes,
Corríamos atrás de uma bola a jogar futebol.

Hoje por ela passo a caminhar,
E ao longo desse caminho observo a ausência
Dos meninos a brincar, como nos meus tempos.

Daquela praia de infância, pouco resta.
Passo e vejo, gente que não são as de outrora,
Ignoram-me... são gente de fora,
Enquanto o mar...aquele mesmo mar, me faz festa.

08-07-2009-21:08h
Rio de Janeiro, R.J.

http://www.recantodasletras.com.br/autor.php?id=3390


Enquanto o Mar...

Nadir A D’Onofrio


Envolve-me em branca espuma
Massageia meu corpo cansado,
A saudade aninhada se avoluma,
Vivo como um ser dispensado.

Boas lembranças dos tempos de infância!
Empinar pipas, jogar peteca, dominó...
Hoje no cenário, só vejo violência,
Ainda que, o astro rei esteja a pino...

Onde está a fase da inocência?
Creio que tudo se perdeu,
Detalhadas esculturas de areia!
Pergunta... que ninguém respondeu...

Restam tatuadas recordações!
Noites de luar sobre o rochedo,
Cantigas, violões seduções,
Hoje, sinto-me descartado.

Das tantas memórias de outrora
Só permanecem, as tábuas das marés,
A deusa lunar e sua brilhante esteira,
Luz solar e gaivotas... a planar pelos ares...


10/07/2009*22:00h
Serra Negra SP

Livro de visitas

 

Voltar

 

Mid: Copacabana-João de Barro/Alberto Ribeiro
Imagem Ilustrativa e mid: Recebida por repasse de grupo
Art:Nadir A D'Onofrio
Respeite Direitos Autorais