Nadir A D'Onofrio /Tonho França

 

Bar dos Sentimentos

 

 

Confeitaria Colombo Rio Janeiro

       

BAR DOS SENTIMENTOS

Nadir A D'Onofrio


Entorne doses de versos
Viaje nos sonhos
Transcenda dimensões
Vá além da imaginação
Permita que a fantasia
Extrapole a razão...
Que sensata vive aprisionada
Entre regras, conceitos
Normas e dogmas...
Sufocando sentimentos
Gerando só lamentos
Solte-se nas asas do vento...

31/01/2006
*17:07
Santos SP

       

 

BARES DE MIM...

Bebo dessa dose,
Sorvo todo o veneno
Ingênuo das agonias,
Ao som frio do bandolim.
A noite cala os homens,
As luzes acendem os desejos,
Não há normas ou regras,
Poetas bêbados cantam paradigmas
Pelas ruas da cidade.
Solto-me na última dose,
Minha alma agora livre
Entrega-se ao vento,
Segue os versos pelo caminho,
Amanhã acordarei pássaro
Solto, leve, menino,
Cantando rimas sobre os rodamoinhos.

Tonho França.
Guaratinguetá, 15/02/06

       

 

 


Mid. Naquela Mesa
Art Nadir A D'Onofrio
Respeite os Direitos Autorais